Benefícios Da Segmentação Geográfica

6 minutos para ler

Diferente da segmentação demográfica, que determina informações de um público de forma simplificada, a segmentação geográfica é uma estratégia mais direcionada. Toda empresa que está considerando uma expansão, inovação de produtos ou serviços e aumentar seu número de clientes deve considerá-la. Conheça as vantagens dessa estratégia! 

O que é segmentação geográfica?

Segmentação geográfica é uma estratégia muito usada no marketing de empresas de diversos segmentos e portes. O objetivo é dividir o mercado por localidade e seu público-alvo para que, assim, se possa avaliar se a abertura de um negócio em uma região, e até mesmo em outro país, é viável ou não. 

Outros tipos de segmentação

Dependendo do objetivo do seu negócio e de como a empresa lida com os segmentos, existem outras segmentações de público que podem ser feitas em conjunto à geográfica ou, dependendo da opção, sozinha:

  • não-diferenciada: estratégia onde a empresa explora todo o potencial no mercado, ou seja, todas as regiões possíveis. Com isso, é possível fazer apenas um planejamento e aplicá-lo de forma geral;
  • diferenciada: quando a empresa procura realizar um planejamento específico para cada grupo. Assim, é levado em consideração diferenças significativas do público e o estudo é aprofundado de cada perfil desses grupos;
  • concentrada: estratégia voltada apenas para um único segmento. A escolha é feita por níveis de importância desse grupo levando em conta margens de lucro e proximidade geográfica, por exemplo. A partir daí, todos os esforços são dedicados exclusivamente nesse segmento;
  • comportamental: se baseia na divisão em grupo do público e, a partir de então, aplica ações específicas. A divisão pode ser feita seguindo pontos como o conhecimento do público sobre o produto ou serviço, padrões de compra, gostos individuais e conhecimento; 
  • psicográfica: um pouco mais abstrata, mas também leva benefícios à empresa assim como a segmentação geográfica. Ela é feita com base em estilo de vida, valores sociais e personalidade.

Quais as vantagens de adotar a segmentação geográfica na sua estratégia?

Conhecer todos os detalhes do seu público-alvo e também onde ele está é o sonho de muitos negócios. Mas não tem como saber disso sem estudos, pois será a partir deles que se tornará possível segmentar melhor suas ações de marketing. Além de uma definição de nicho mais otimizada, esse estudo tem os seguintes benefícios:

  • possibilidade de implementar a produção sob demanda e, consequentemente, um controle de estoque mais eficaz;
  • melhor direcionamento do orçamento voltado para ações de marketing;
  • planejamento e tomada de decisão de expansão de negócio mais assertivos. Uma vez que ter dados sobre a demanda de um serviço, ou produto, em uma região permite determinar os melhores pontos comerciais
  • maior proximidade no relacionamento com o público-alvo;
  • desenvolvimento ou criação de produtos voltados para necessidades específicas. Esse mix de produtos leva a um público mais satisfeito, pois regiões diferentes têm necessidades diferentes por inúmeros fatores. 
  • aumento do lucro da empresa devido ao fortalecimento das vendas;
  • melhor planejamento de comunicação. A escolha de canais certos para chegar às pessoas de uma região específica;
  • análise de concorrência por meio do estudo de comportamento de cada empresa em uma região. 

Como fazer a segmentação de público na prática?

Para obter os benefícios da segmentação geográfica, demográfica ou de qualquer outro tipo, é interessante que a empresa siga alguns passos. Falaremos sobre a seguir:

Determinar os tamanhos do segmento

É preciso interpretar bem as informações que você terá em mãos. Por exemplo, a pesquisa identificou que a maioria dos seus clientes que mais compram produtos de valores altos residem na região A. No entanto, os que residem na região B costumam comprar mais, porém versões mais baratas do produto. 

Saber disso vai permitir que você amplie ações para entender os motivos do fenômeno e, assim, investir em novos estudos e estratégias que levem ao aumento de lucro na região B e fidelização na região A, por exemplo.

Personalize o conteúdo

Outra forma inteligente de usar essas informações é criar personas e, a partir daí, fornecer conteúdos que realmente conversem com o cliente. 

O principal objetivo disso é fazer com que o cliente realmente se sinta importante para sua empresa e se conecte positivamente com ela. Isso resulta em maior engajamento, marketing boca a boca, fidelização e, consequentemente, maior lucro. 

Quais as ferramentas usadas na segmentação geográfica?

A tecnologia permitiu que o estudo de mercado se tornasse algo de fácil acesso, mas, para isso, é preciso saber trabalhar com as ferramentas disponíveis hoje. As tecnologias que proporcionam uma segmentação por região são:

  • plataformas mobile: aplicativos que rastreiam a localização dos seus usuários (levando em conta, sempre, a autorização do uso dessa informação por parte dos próprios usuários);
  • mapas de calor: uma tecnologia que analisa a região onde a empresa deseja atuar, considerando o local com maior concentração de pessoas;
  • pesquisas de mídia: plataformas que oferecem dados baseados na segmentação geográfica;
  • software de geomarketing: reúne dados e análises geográficas levando em conta as características do público-alvo de uma determinada região. 

Uma das plataformas que você encontra todas as informações que precisa para começar a segmentar geograficamente as ações da sua empresa é o Economapas. Com ela, você terá informações geolocalizadas de população, renda, consumo, empresas e mercados em 5.565 cidades do Brasil. 

Saiba mais sobre os recursos e soluções do Economapas aqui

Posts relacionados

Deixe um comentário